Localidades‎ > ‎

Amarante


A cidade de Amarante situa-se nas margens do rio Tâmega, um dos principais afluentes do rio Douro, e junto à serra do Marão e serra da Aboboreira.

Foi na serra da Aboboreira que terão surgido os primeiros povos que por aqui permaneceram. No entanto, esta região só começou a ganhar importância e visibilidade depois da chegada de São Gonçalo (1187-1259), nascido em Tagilde, Guimarães, que aqui se fixou depois de peregrinar por Roma e Jerusalém - a construção da ponte sobre o Rio Tâmega, é atribuída a este santo. Amarante torna-se assim o centro de peregrinações e a região foi aumentando.

No Século XVI, D. João III manda construir um Mosteiro – o Mosteiro de São Gonçalo, que fica sobre a capela e junto à ponte sobre o Rio Tâmega, onde segundo a lenda São Gonçalo terá vivido e foi sepultado.

O comércio e os serviços fazem-se sentir em maior relevo na cidade de Amarante e em Vila Meã, que são os dois principais núcleos urbanos do concelho. Mas a agricultura, presente em todas as freguesias, é a principal atividade económica - da qual se destaca a produção de vinhos verdes.
A construção civil e a transformação de madeiras, são também setores de alguma importância na região. O turismo é uma área em desenvolvimento, dadas as características ambientais e patrimoniais do concelho.

No artesanato, o destaque vai para o barro negro de Gondar, as rendas, os bordados, a cestaria, as mantas e as meias de lã.

Na gastronomia destaca-se o cabrito assado no forno e a vitela maronesa, acompanhados pelo vinho verde da região. Na doçaria conventual destacam-se ainda os papos de anjo, as lérias, os bolos de S. Gonçalo, os foguetes e as brisas do Tâmega.

Amarante está muito ligado ao rio Tâmega e às serras do Marão e da Aboboreira - à natureza. Há por isso, um chamamento à prática das várias atividades ao ar livre e de manutenção física, como o montanhismo, a canoagem, o parapente, os passeios em guigas (pequena embarcação), as gaivotas, a caça, a pesca, a natação, o golfe, o campismo, o desfrutar das praias fluviais e do parque aquático.

Algumas figuras ilustres ganharam destaque fora destas paragens, não só a nível nacional como internacional, tais como Teixeira de Pascoaes - escritor e poeta, Amadeo de Souza-Cardoso – pintor, Agustina Bessa-Luís – escritora, António Carneiro – pintor, António Cândido - orador e político, entre outros políticos ou atletas de alta competição.

A visitar:
  • Igreja e Convento de São Gonçalo
  • Igreja de São Domingos e Museu de Arte Sacra
  • Igreja de São Pedro
  • Ruínas do Convento de Santa Clara
  • Ponte de São Gonçalo
  • Casa da Calçada
  • Solar dos Magalhães
  • Parque Florestal de Amarante
  • Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso
  • Casa de Pascoaes
  • Mosteiro de Travanca
  • Mosteiro de Freixo de Baixo
  • Serra do Marão

Actividades:
  • Ecopista da Linha do Tâmega
  • Parque Aquático de Amarante
  • Campo de Golfe de Amarante

Festas e Romarias:
  • Festas de São Gonçalo (Festas do Junho), no 1º fim-de-semana de Junho
  • Procissão dos diabos, a 24 de Agosto

 

Amarante. Ponte sobre o rio Tâmega


Centro Histórico de Amarante


Igreja de São Gonçalo